maio 2016

  1. Há duas maneiras de se fazer as coisas: a sensata e a temerária. A maneira sensata de se governar um país após 13 anos de gestões corruptas e […]

  Um gaiato deixou um par de óculos no chão do Museu de Arte Moderna de São Francisco. Sem saber se aquilo era uma só um par de óculos no […]

  Não queria escrever sobre a menina e seus trinta estupradores. Todo mundo já escreveu, já li quase tudo que escreveram, talvez não haja mais nada a dizer. Não vi […]

  Sonhei esta noite com meu pai. Ele estava bem, feliz, tal qual me lembrava dele antes da doença. Parecia entusiasmado, querendo me mostrar caixas e mais caixas de fotografias. […]

  Espalhou-se por aí a metáfora de que os homens são de Marte e as mulheres, de Vênus. Ainda que tenhamos exemplos de sobra de mulheres que têm mais a […]

  O teu cabelo não nega, mulata Porque és mulata na cor Mas como a cor não pega, mulata Mulata, eu quero o teu amor. Quem já não cantou isso […]

  1. Ônibus em Salvador é a maior diversão. É um mercado persa. Nunca peguei um que não tivesse pelo menos um vendedor a bordo, sempre de voz anasalada, para […]

  Tenho uma teoria (e não é uma teoria zavasque, uma teoria qualquer). O impítimã foi golpe, sim. Um golpe dado pelo PT. Um autogolpe. Dilma não tinha como se […]

  Uma vez, meus primos de Belo Horizonte foram nos visitar em Andrelândia. Eram primos ricos e chiques, que moravam em apartamento. Morar em apartamento, para mim, era o cúmulo […]